Uma forma vencedora de treinar em um teclado aulas de piano

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Piano – Esta é outra dúvida frequente entre os aprendizes de piano e teclado. Afinal, há mais similaridades e diferenças? É possível aprender no piano e tocar no teclado e vice-versa? A discussão é bem grande sobre isso. Veja algumas diferenças e proximidades dos dois instrumentos.

Diferenças principais entre 

Você deve saber que estes instrumentos possuem diferenças essenciais. Vejamos algumas delas:

  • O piano é um instrumento acústico e o teclado é eletrônico. Isso já é uma grande diferença quanto à sua natureza. Não é porque ambos possuem teclas que são exatamente iguais.
  • O piano possui oito ou nove oitavas e o teclado somente cinco, e em alguns apenas quatro.
  • No piano, toda música dever ser tocada com arranjos manuais na mão esquerda – contudo, ambas as mãos são trabalhadas igualmente e pode ou não haver preferência de lado – há músicas onde a mão esquerda trabalha mais que a direita e há músicas onde as mãos se cruzam, por exemplo. Já no teclado, há recursos extras que exigem a mão do músico, como bateria, arranjos e elementos gravados.

piano

  • O teclado na verdade é um sintetizador de instrumentos que, através do teclado, emite sons de diferentes instrumentos, inclusivo percussivos, O piano, por sua vez, possui apenas uma voz e é isento de acompanhamentos.
  • A única semelhança é a mesma sequência de notas dispostas em forma de teclado.
  • Ambos podem ser tocados com partituras. Há quem diga que no teclado são usadas apenas as cifras, mais isso não é exato.
  • O tecladista normalmente toca usando somente uma mão, pois conta com muitos recursos eletrônicos. No piano, você mesmo precisa fazer seus arranjos.
  • Em termos de técnicas, um bom tecladista precisa ler o manual e conhecer a fundo seu instrumento. No caso do piano, a técnica é mais difícil de aprender, muito mais profunda. A técnica no piano é muito mais apurada. Pode-se dizer que um pianista com certeza vai se dar bem melhor no teclado do que um tecladista no piano. Mesmo assim, ao fazer aulas de piano e treinar no teclado, se este for o seu caso, verá que na prática as diferenças são enormes. Ou seja, se você vai fazer aulas de teclado, poderá treinar sem problema em um teclado. Mas se vai fazer aulas de piano, será um desafio.

piano

  • Uma alternativa para treinar piano em casa, caso você não tenha o instrumento é comprar um bom piano digital, que tenha um mecanismo de teclas parecido com o de um piano acústico. Mesmo assim, não será a mesma coisa.
  • Há uma analogia interessante: quem dirige um caminhão (piano), dirige qualquer carro (teclado). Mas quem dirige somente carro (teclado), vai ter problemas quando dirigir um caminhão (piano).
  • O teclado possui uma diversidade de timbres de vários instrumentos diferentes, e você pode misturar estes timbres. Por ser o piano um instrumento acústico, não possui uma infinidade de recursos que o teclado possui para execução.

piano

  • O método de aprendizagem também possui grandes diferenças: um tecladista por melhor que seja nunca vai ser um pianista, pelo menos em termos teóricos. A forma como se trabalha com as mãos, a agilidade, as claves, os tempos e os ritmos são totalmente diferentes. Há métodos modernos de aprendizagem que fazem com que a prática se torna próxima, mas ainda sim são distintas.
Postagens Relacionadas