Descobrir se quem toca piano também toca teclado

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comparação – Muitos alunos de perguntam se poderiam também tocar teclado – seja para treinar ou apenas expandir seus conhecimentos. Será que isso é possível? Apesar de haver diferenças significativas entre os dois instrumentos, costumamos dizer que quem toca piano consegue se adaptar ao teclado; já o contrário, fica mais difícil.  A discussão é bem grande sobre isso. Veja algumas diferenças e igualdades dos dois instrumentos.

Comparação o piano e o teclado

Você sabe quais são as diferenças entre teclado e piano? Vamos fazer a comparação, então, e veja algumas delas:

comparação

  • A estrutura de ambos é diferente. O piano é um instrumento acústico e o teclado é eletrônico.
  • O número de teclas não é o mesmo: o piano possui oito ou nove oitavas e o teclado somente cinco, e em alguns apenas quatro.
  • O uso das mãos é diferente para ambos os instrumentos. Se no piano toda música dever ser tocada com arranjos manuais na mão esquerda, mas sem que haja preferência de lado, no teclado, há recursos extras que exigem a mão do músico, como os botões de percussão, arranjos e gravações.
  • O piano possui apenas uma voz e é isento de acompanhamentos. Já no teclado, em comparação, você pode executar diferentes instrumentos e recursos, pois ele é um sintetizador.

comparação

  • A sequência de notas dispostas é a mesma em ambos os instrumentos.
  • Tocar ou não com partituras vai do músico – ambos podem ser tocados com a notação musical. Mas ambos podem usar ainda outros métodos.
  • No teclado, você pode tocar com uma das mãos e fazer diferenciais com a outra, conforme os recursos disponíveis. No piano, é importante usar ambas as mãos.
  • Para ser um às no teclado, é importante ler o manual do seu modelo e conhecer seus recursos. Já o piano, exige mais técnica e em geral é mais difícil de aprender.
  • O teclado possui diversos timbres de vários instrumentos diferentes. O piano acústico não possui uma grande variação de recursos como o teclado.
  • A forma como se trabalha com as mãos, a agilidade, as claves, os tempos e os ritmos são totalmente diferentes em ambos os instrumentos.

Você pode, sim, fazer aulas de piano e treinar no teclado, caso não tenha outra escolha. Mas logo de início verá que as diferenças são enormes. É um desafio que terá que enfrentar caso não tenha um instrumento à sua disposição. Outra alternativa é o piano digital, como veremos a seguir.

O piano digital

Mesmo que haja diferenças entre o piano acústico e o piano digital, ainda assim é melhor do que treinar em um teclado. O mecanismo de teclas é bem parecido com o de um piano acústico, apesar da sensibilidade das teclas não ser a mesma. Além disso, o som não será tão claro quanto o do piano acústico.

comparação

A vantagem é que o piano digital possui certos recursos interessantes, como as ferramentas de gravação, por exemplo. Além disso, é uma alternativa muito mais barata e portátil. Serve tanto para aulas presenciais quanto para as suas aulas de piano on-line.

Depende do método de aprendizagem

Apesar de haver muitos métodos de aprendizagem tanto para piano quanto para teclado, é possível dizer que um tecladista jamais vai ser um pianista, mas um pianista pode se aventurar e treinar em um teclado, mesmo jamais sendo a mes
ma coisa.

comparação

Atualmente, o aprendiz possui à sua disposição métodos modernos de aprendizagem, que fazem com que a prática de teclado e piano se torna próxima – mesmo sem partitura. Basta pesquisar e fazer a comparação. Mas é preciso ressaltar que ainda assim há diferenças.

Veja também neste artigo como aprender piano sem ter o instrumento. Veja ainda outras informações sobre a diferença entre teclado e piano neste artigo.

Imagens: Pinterest

Postagens Relacionadas