Você já viu em minhas aulas o que é um acorde e os diferentes tipos que existem. Agora vou te ensinar 3 maneiras diferentes de como construir acordes no piano: Uma usando escalas, outra usando intervalos e utilizando a combinação de acordes maiores e menores. Acompanhe essa e as próximas 2 aulas para descobrir.

Dica: Vale a pena consultar novamente o Ebook Aula 2 sobre acordes, caso ainda tenha alguma dúvida dos nomes e dos tipos de acorde. Sinta-se livre para consultar os Ebooks sempre que precisar!

# Método 1: Usando escalas

Vamos começar com a escala de Dó (C) e a partir dela, descobriremos outros acordes.

iamgem 2

Agora que você relembrou a escala de Dó, vamos numerar cada nota. Assim temos:

  • C = 1
  • D = 2
  • E = 3
  • F = 4
  • G = 5
  • A = 6
  • B = 7

 

Com essa numeração, você poderá aprender qualquer acorde! Veja abaixo.

 

Tríade maior:

Fórmula: 1 + 3 + 5
Notas: C (Dó) + E (Mi) + G (Sol)

 

imagem1

Dica: Colocando números nas notas, minha ideia é mostrar para você a 1ª, 3ª e 5ª nota, como em nossa aula de acordes. Dito de outra maneira, a 1ª nota de qualquer escala será sempre sua tônica, a 3ª nota será a terça e a 5ª nota será a quinta da escala.

Tocando essas 3 notas juntas, temos nosso primeiro acorde: C maior

 

Tríade Menor:
Fórmula: 1 +♭3 +5

Notas: C (Dó) + Eb (Mib) + G (Sol)

 

acorde1

 

Lembrete: Quando colocamos um bemól (♭) em uma nota, temos que retornar meio tom (1 semitom) no teclado/piano. Compare a imagem abaixo com a anterior.

 

Tríade diminuta
Fórmula: 1+♭3+♭5
Notas: C + Eb + Gb

 

acorde2

 

Tríade aumentada
Fórmula: 1+3+♯5

Notas: C + E + G#

 

acorde3
Em relação ao anterior, basta fazer a 3ª regular e aumentar um semitom da 5ª.

 

Nota: Ao construir esses acordes, usamos sempre alguma versão da 1ª, 3ª ou 5ª nota. A maioria dos acordes irá usar alguma versão dessas 3 notas. Mais tarde vamos aprender acordes com a 7ª nota, o que ampliará ainda mais a gama de acordes que você tocará e asism poderá aprender mais músicas.

Curiosidade: Acordes menores possuem sons tidos como melancólicos e graves. Quando adicionamos o 5º tom, essa percepção aumenta, deixando o som ainda mais assustador. Esse tipo de acorde é usado muito em filmes de terror, mas também em dezenas de músicas, para gerar algum tipo de suspense ou dramaticidade.

 

Estes 4 acordes ensinados nessa aula são os 4 acordes fundamentais. Grave eles muito bem, pois com eles você irá aprender praticamente quase todos os outros. Acompanhe as próximas aulas para saber mais. Até a próxima!

 

LOGO

About The Author

Informações de perfil.

Related Posts