Instrumento – Em um mundo cada vez mais acelerado, encontramos dificuldades para nos dedicarmos a um instrumento, sendo este o nosso interesse. Para muitas pessoas, a estratégia de treinar todos os dias é muito eficaz. Mas a dúvida mais comum entre os aprendizes é: quanto tempo preciso diariamente para aprender um instrumento? Veja agora algumas informações que respondem a esta questão.

Aprender um instrumento é uma paixão

Um instrumento musical é um objeto que envolve muitas emoções, seja ouvindo o seu som ou tocando os seus elementos. Não tem idade para começar a aprender um instrumento musical e cada vez mais pessoas buscam ter aulas do seu instrumento preferido. Além disso, tocar um instrumento musical tem muitos benefícios. Não é à toa que o filósofo chinês Confúcio disse que “a música produz um tipo de prazer que a natureza humana não pode prescindir”.

instrumento

E na hora de aprender a fazer música, surge a dúvida: quanto tempo por dia é necessário para que aprendamos a tocar um instrumento? Podemos responder a esta questão definindo os seguintes fatores:

  • Qual o seu grau de experiência com este instrumento?
  • Qual a sua real disposição de tempo por dia?
  • Treinará sozinho ou fará aulas?
  • Tem acesso fácil ao instrumento?
  • O seu instrumento escolhido é bastante popular ou incomum?
  • Você precisa mesmo tocar todo dia para aprender?

É claro que há outros fatores a serem considerados, mas este pode ser o nosso ponto de partida. Tocar todo dia nem sempre significa rapidez e qualidade. Não adianta se sobrecarregar se isso não funciona para você. Depende muito se está ou não avançando no estudo do instrumento ou se está reproduzindo demasiadamente aquilo que já sabe. Há quem goste de estudar todos os dias e há que prefira intercalar os dias ou estudar semanalmente em um horário maior. Cabe ao aluno definir o que é melhor para si – se puder, é importante consultar um professor sobre isso.

instrumento

Outro fator importante, como veremos mais adiante, é a gestão do tempo. Não adianta você determinar que irá estudar piano, por exemplo, por 4 a 5 horas diariamente se você tem jornada dupla de trabalho externo. Também não é assertivo ter 30 minutos de aula se isso não é o suficiente para a sua aprendizagem. É importante ser realista e aproveitar o tempo disponível, sem interferir com outras tarefas.

Quem treina sozinho pode ter mais desafios do que aquela pessoa que recorre às aulas – seja on-line ou presencial. Isso é bastante relativo, mais igualmente comum. Ter o seu próprio instrumento ou não também interfere no aproveitamento diário das aulas. Se escolher um instrumento mais restrito, poderá ter problemas para encontrar professores, serviços de afinação ou até mesmo informações sobre como tocar do que aquelas pessoas que optaram pelo piano ou por aulas de violão, por exemplo.

Melhore a sua capacidade de memorização

Aulas de música por si só já ampliam a capacidade de memorização do indivíduo, inclusive em outras áreas de sua vida. Mas o quanto melhor usa a usa memória, mais rápido avançará em seus estudos. Uma pesquisa mostrou que tanto ouvir música, quanto tocar um instrumento musical, estimulam o seu cérebro e pode aumentar sua memória (veja a mais sobre este assunto aqui). Este estudo foi realizado em 22 crianças da idade 3-4 anos que receberam ou aulas de canto ou aulas de teclado. Em contrapartida, um outro grupo de 15 crianças não recebeu aulas de música, a fins de comparação. Ambos os grupos participaram das mesmas atividades pré-escolares. Os resultados mostraram que as crianças pré-escolares que receberam aulas de teclado semanais melhoraram suas habilidades de espaço-temporal de 34% a mais do que as outras crianças em curto prazo.

Tenha uma boa gestão do tempo

Você continuará tendo outros compromissos além das horas de estudo do instrumento. É preciso ser organizado e saber gerir o seu tempo com sabedoria. Lembre-se que a qualidade das horas destinadas ao treino é mais importante que a quantidade. Para aprender mais rápido e aproveitar melhor as suas horas, determine as suas metas.

Envolva-se com outros músicos de modo assertivo

Aprender muitas vezes envolve trabalhar diretamente com um professor, com outros aprendizes, com a sua banda e outros elementos que fazem parte no meio musical. Quando você toca em conjunto, pode aprender mais rapidamente, ou pode depender ainda do aprendizado dos demais. Um instrumento na maioria das vezes exige que você trabalhe com os outros para fazer música, ou mesmo aprender. Aprender a cooperar é essencial no seu processo de aprendizagem. Além disso, tocar um instrumento pode ser uma ótima maneira de melhorar suas habilidades sociais.

Tenha paciência

A quantidade de horas para que uma pessoa possa se dedicar diariamente e ter resultados é bem relativa. Tem pessoas que necessitam de apenas uma hora, outras mais. É preciso ressaltar que aprender a tocar um instrumento leva tempo e muito esforço, o que realmente lhe ensina paciência e perseverança. O grau de experiência e conhecimentos do instrumento também conta muito. Não queira abraçar o mundo de uma só vez, pois não conseguirá, mas tenha um planejamento baseado na sua meta.

About The Author

Informações de perfil.

Related Posts